Pelo fim do massacre na Palestina

Pelo fim do massacre na Palestina

Ao arrepio das leis internacionais, os EUA decidiram mudar a sua embaixada em Israel para a cidade de Jerusalém. Este ato, para além de ir contra as resoluções da ONU, contribui de forma não-negligenciável para o aumento das tensões entre o Estado israelita e os representantes do Estado da Palestina. Hoje, no dia em que a embaixada americana era inaugurada, soldados israelitas abateram mais de 50 palestinianos (contagem ainda provisória) sem que nada o justifique.
O LIVRE apela ao governo português e à União Europeia pela tomada de uma posição firme na rejeição das ações do governo israelita. O partido apela também a que, dada a deriva americana levada a cabo por Donald Trump e que tem levado ao sucessivo afastamento do direito internacional, a UE possa assumir e relançar um processo de paz que se deseja sólida e duradoura.

Imagem: Nações Unidas

Petição

Retribuição Horária Mínima Garantida

Assine aqui a Petição